João Ricardo encara touro Patrão da FSM e fica com o primeiro round de Divinópolis

By: Jorge Cardoso - PBR Brasil  sexta-feira, 2 de junho de 2017 @ 08:00

João Ricardo recebendo brindes na arena de Divinópolis - Foto por Alberto Gonzaga | PBR Brasil

DIVINÓPOLIS (MG) – A etapa do Monster Energy PBR, principal campeonato da modalidade no país, realizada em Divinópolis (MG), prometia muitos encontros importantes entre os melhores competidores e touros brasileiros na atualidade. E um dos mais esperados era o desafio entre João Ricardo Vieira e o touro Patrão da FSM. 

João Ricardo é oitavo no ranking mundial neste momento e está no Brasil enquanto ocorre a parada para o verão nos Estados Unidos. Divinópolis foi seu primeiro desafio em terras brasileiras em um evento da PBR (Professional Bull Riders). O touro Patrão da FSM é da Cia Rancho 3 Irmãos/Floreal e está na liderança da temporada 2017 do Monster Energy PBR e estava invicto desde então. 

Ao final, durante entrevista ao locutor Rafael Vilella, ainda na arena, João Ricardo disse que não conhecia o touro, mas quando recebeu o sorteio e soube que teria de enfrenta-lo recebeu o apoio de outros competidores. “Falaram-me que ele [touro Patrão da FMS] liderava o campeonato e pensei que seria mesmo um bom confronto”, diz. 

Em segundo lugar ficou Fábio Eleutério, de Mira Estrela (SP), com 86,75 pontos a bordo do touro Curumim, da Cia Paulo Emílio. Foi sua primeira montaria depois de um ano e 7 meses afastado das arenas devido a uma lesão e posterior tratamento nos ombros. 

Junior Cezar Quaresma terminou com 86,00 pontos de nota depois de encarar o touro Clarão da Lua, da Cia Tércio Miranda. Caic Cassio foi o quarto melhor, também com 86,00 pontos, depois de passar pelo touro Justiceiro, da Cia Tércio Miranda.

MAIS NOTAS

Luciano Castro x Avassalador (Cia Paulo Emílio) - sem nota
Lucas Divino x Comissário (Cia Paulo Emílio) - 80,25 pontos
Douglas Henrique x Traficante (Cia Paulo Emílio) - sem nota
Rafael Henrique dos Santos x Iporá (Cia Califórnia) - sem nota
Otniel Gonçalves x Marruá (Cia Guto Paglione) - 72,75 pontos
Junior Patrik x Black White (Cia Sempre Sorte/Straleotto) - sem nota
João Augusto Cezere x Vigilante (Cia Paulo Emílio) - sem nota
Fábio Eleutério x Curumim (Cia Paulo Emílio) - 86,75 pontos
Edmílson Gonçalves x Complicado (Cia 2S) - 74,25 pontos
Douglas Marinho x Meio Amargo (Cia F Bulls) - sem nota
William Leite x Hipnose (Cia Nova Era) - 82,50 pontos
Mateus Aparecido dos Santos x Matrix (Cia Paulo Emílio) - sem nota
Rodolfo Alves x Guerreiro (Cia 2S) - 82,00 pontos
Bruno Scaranello x Mão do Tempo (Cia F Bulls) - sem nota
Regivane Brito Pereira x Bala de Coco (F Bulls) - sem nota

Roberto Elídio Tóbias x Van Dame (Cia Califórnia) - sem nota
Dayer da Costa x Russo (Cia Califórnia) - sem nota
Fernando da Conceição x Paparazzo (Cia Califórnia) - 85,50 pontos
Fernando Henrique Novais x Marrocos (Cia Marcelo Castro) - 83,50 pontos
Elvis Vinícius x Marrento (Cia Marcelo Castro) - sem nota
Cristiano Cunha x Show da Loira (Cia Marcelo Castro) - sem nota
Junior Cezar Quaresma x Clarão da Lua (Cia Tércio Miranda) - 86,00 pontos
Rafael Zanella x Ponto Fraco (Cia Tércio Miranda) - sem nota
Caic Cássio x Justiceiro (Cia Tércio Miranda) - 86,00 pontos

Alex Cerqueira x Jagunço (Cia Rancho 3 Irmãos/Floreal) - sem nota
Márcio Roberto x I am Crazy (Cia Rancho 3 Irmãos/Floreal) - 80,00 pontos
Romário Leite x Prime (Cia Rancho 3 Irmãos/Floreal) - sem nota
Robson Guedes x Arrogante (Cia Kiko de Brodowski) - 79,00 pontos
Rafael Rosa x Legendário (Cia Kiko de Brodowski) - sem nota
Ted Wade Flora x Modelo (Cia Marcelo Castro) - 85,25 pontos
Joander Donato x Hard Rock (Cia Guto Paglione) - 81,25 pontos
Cláudio Montanha Júnior x Lendário (Cia Guto Paglione) - 84,25 pontos
João Ricardo Vieira x Patrão da FSM (Cia Rancho 3 Irmãos/Floreal) - 89,00 pontos
Wilton Leite x Doce Amargo (Cia Marcelo Castro) - sem nota

Silvano Alves x Sometimes (Cia F Bulls) - 77,50 pontos
Guilherme Marchi x Cicatriz (Cia Nova Era) - 80,50 pontos
Kaique Pacheco x Calfrio (Cia Tércio Miranda) - sem nota
Dener Barbosa x Turbilhão (Cia Califórnia) - 78,00 pontos
José Vitor Leme x Xerife (Cia Sempre Sorte/Straleotto) - 78,50 pontos