Pacheco e Leme caem no quarto round e decisão fica ainda mais acirrada

By: Jorge Cardoso / PBR Brasil  domingo, 11 de novembro de 2018 @ 05:14

Fotos Andy Watson/BullStockMedia.com.

O quarto round da PBR World Finals, etapa final da temporada do mundial da PBR (Professional Bull Riders), não foi muito boa para os brasileiros por três motivos: o primeiro foi a vitória de Cody Teel, uma ameaça real a derrubar o título verde e amarelo; segundo, a queda de José Vitor Leme, deixando a decisão ainda mais acirrada. E o terceiro foi a queda também de Kaique Pacheco.

O atual líder do mundial tinha a chance de colocar uma das mãos no título de campeão mundial de 2018. Uma vitória deixar o competidor de Itatiba (SP) com uma distância considerável de Leme, segundo colocado.

Pacheco encarou o touro Finning Milky Chance, que ficou com média de 43,75 pontos. Já Leme encarou a pedreira South Texas Gangster, com média de 44 pontos.

Quem sorriu foi o americano Cody Teel. O quinto colocado no ranking mundial garantiu 90,25 pontos de nota a bordo do touro Medicine Man e cegou à nona colocação na etapa. Na corrida pelo título, ele se mantém em quinto lugar, com 3071,66 pontos (2372,50) atrás do líder Pacheco.

Entre os cinco primeiros colocados está Cláudio Montanha Jr. Ele garantiu o terceiro lugar depois de encarar o touro Lil 2 Train e fazer 89 pontos. Esta foi a primeira parada do competidor na etapa final. Montanha recebeu a convocação para compor a seleção brasileira na Global Cup. O anúncio ocorreu na sexta-feira, dia 10 de novembro.

Pontuaram ainda nesta etapa os brasileiros João Ricardo Vieira (87,00); Dener Barbosa (87,00); Marco Eguchi (86,25) e Silvano Alves (71,50).

 

Classificação da etapa

1 – Marco Eguchi – 540 pontos;

2 – Cody Teel – 425 pontos;

3 – José Vitor Leme – 390 pontos;

4 – Matt Tripett – 362,50 pontos;

5 – Eduardo Aparecido – 247,50 pontos;